Show cover of Endörfina com Michel Bögli

Endörfina com Michel Bögli

Cada episódio leva o ouvinte a uma viagem no tempo, com um enfoque único e curioso a respeito das origens, histórias e motivações dos convidados. Aqui eles ficam à vontade para falar sobre os temas mais importantes das suas vidas e carreiras. Vou atrás dos fatos que formaram o caráter e forjaram esses seres humanos a se tornarem grandes campeões da vida. Desde a estréia em junho de 2017, conversei com dezenas de atletas, empresários, empreendedores, pilotos, treinadores, nutricionistas, médicos, psicólogos e organizadores de eventos esportivos. O que todos eles tem em comum? A paixão pelos esportes e o vício em endorfina. Inspire-se!

Músicas

#350 Maíra Catenacci
Minha convidada começou a nadar aos 5 anos de idade. Nas competições representou o Clube Paineiras do Morumbi até os 15, quando deixou as piscinas e iniciou o handebol. Formou-se em Publicidade e durante quatorze anos trabalhou em agências. Era uma vida agitada, com muito trabalho, baladas, poucas horas de sono e um pouco de academia para fazer o contra ponto. Trabalhou também como fotógrafa de natureza até engravidar pela primeira vez. Decidiu ingressar no curso de Psicologia e ter mais um filho. Alguns meses após o nascimento da segunda filha, sentiu a necessidade de voltar a se movimentar. Foi então incentivada a pedalar e gostou da sensação. Comprou uma bicicleta melhor e em 2019 competiu pela primeira vez, no Granfondo Ubatuba. Rapidamente percebeu ter aptidão natural para o esporte, o que a levou para uma evolução interessante. Para ela o ciclismo vai muito além do esporte, é uma forma de autoexpressão e busca contínua por aperfeiçoamento pessoal. Cada pedalada é uma oportunidade de superar limites e alcançar novos objetivos, inspirando-se e motivando outras pessoas a perseguirem seus sonhos com determinação e paixão. Acima de tudo, ela entende que sua jornada não faz sentido se beneficiar apenas a si mesma, portanto, deseja poder estender os benefícios que obteve com o ciclismo para um maior número de pessoas possível. Pedalar a transformou em uma pessoa mais feliz, mais forte física e emocionalmente, mais dinâmica e divertida. É assim que ela entende o ciclismo, como diversão. Conosco aqui a paulistana fluente em alemão, publicitária, psicóloga especialista em sistemas familiares, fotógrafa e ciclista Campeã do L´Étape Brasil e do dificílimo Haute Route das Dolomitas que acredita que uma jornada começa com um simples passo, mas o retorno geralmente vem em um passo enorme, uma mulher que é feliz pedalando, o que não é o mesmo que pedalar para ser feliz, a dedicadíssima Maíra Kiyomi Catenacci Pavani. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quando a paixão pelo esporte se une à energia transformadora, grandes histórias acontecem. E você, já sentiu a adrenalina de estar no controle? Conheça o Mercado Livre de Energia, a escolha certa para empresas que buscam eficiência e economia. Com a Boven, especialista há mais de uma década, você não só migra para essa revolução, como também garante segurança em todo o processo. Não deixe essa oportunidade escapar. Abra as portas para o sucesso com a Boven e eletrize seu futuro. De energia, a Boven entende! boven.com.br Um oferecimento da Galibier, vida, saúde e previdência. A Galibier Vida, Saúde e Previdência, com mais 20 anos de história, o comprometimento total com seus clientes e uma alta credibilidade, oferece as melhores soluções em proteção e segurança que você encontra no mercado, para você e seus familiares, com planos de seguro de Vida, Saúde e Viagem. Credenciada nas melhores e mais renomadas seguradoras, a Galibier tem o compromisso de intermediar e estreitar a relação entre a seguradora e você, o segurado, proporcionando e garantindo as condições ideais para que suas expectativas e necessidades sejam plenamente atendidas. A Galibier oferece serviços para seu bem-estar, como o Seguro de Vida Resgatável, que além de resguardar e proteger o futuro das pessoas que você ama, no caso de uma falta inesperada no curto prazo, dá a opção, desde que acordada em sua apólice, de resgatar os valores em seu seguro para utilizá-los no que quiser ou precisar. Outro serviço importante é o Seguro Saúde com cobertura mundial, que lhe confere o poder de livre escolha de médicos, clínicas e hospitais de sua confiança, no momento em que precisar aqui no Brasil e em qualquer parte do mundo com atendimento nos melhores hospitais e laboratórios. A Galibier também oferece aos seus clientes completos planos de Seguro Viagem, para que seu roteiro, seja ele de turismo ou negócios, esteja protegido contra todo o tipo de necessidade, de pequenos incidentes, como bagagens extraviadas ou cancelamento de vôos por exemplo, até a cobertura de despesas médico hospitalares de todos os tipos. Colocar a Galibier em seu futuro é uma escolha sensata. Aproveite os melhores momentos da vida com quem você ama, livre de preocupações com o amanhã. Siga e conheça mais sobre a Galibier através do seu perfil no instagram, em @galibierconsultoria. Galibier, cuidando de você e sua família. Quem foi que disse que para conhecer os Parques Nacionais dos EUA você precisa dormir em uma barraca? Quantas vezes você pensou em fazer aquela fora da caixinha, mas acabou escolhendo o mesmo destino que todo mundo sempre vai? Se o seu sonho é viajar por lugares incríveis, cheios de atividades ao ar livre, com muito conforto e segurança, você precisa conhecer a 7SHERPAS LUXURY OUTDOORS, a combinação perfeita para quem busca viagens sofisticadas, com aquela pitada de aventura. São experiências exclusivas, sob medida, criadas por uma equipe especialista em esportes e viagens na Califórnia. Você pode escolher parques nacionais, desertos, vinhedos e ainda incluir atividades esportivas, roteiros gastronômicos, compras, parques de diversão e muito mais. Tudo isso com o suporte de um time altamente qualificado para que você, sua família e seus amigos possam viver dias inesquecíveis na ensolarada Califórnia. Saia do convencional, sem abrir mão do conforto. 7SHERPAS LUXURY OUTDOORS - O toque de aventura que faltava na sua viagem. Acesse 7SHERPAS.COM e responda ao quiz da viagem dos seus sonhos.  
156:30 18/04/2024
#349 Carlos Galvão
Desde a infância ele foi um apaixonado por esportes. Foi judoca, jogador de futebol e aquapolista. Triatleta desde 1995, meu convidado é, aqui no Brasil, sinônimo do Ironman. Conhecido pela grande maioria dos triatletas brasileiros de longa distância, há um quarto de século ele comanda com pulso firme e maestria, um dos eventos mais bem organizados do circuito mundial de Ironman. É dele a tarefa de fazer o impossível para agradar a gregos e troianos quando o assunto é nadar 3.8km, pedalar 180km e correr 42km. O Itaú BBA Ironman Brasil, realizado em Florianópolis, recebeu os títulos de melhor prova de triathlon, melhor natação, melhor ciclismo, melhor corrida e competição mais recomendada da América Latina em 2023. Desde quando esteve aqui, em 2018, foi duramente criticado pelos triatletas profissionais brasileiros, conduziu sua empresa através da pandemia, enfrentou lesões e passou por cirurgias que o mantiveram afastado do triathlon, que além de ser o seu ganha pão, tem a função de deixa-lo em equilíbrio. Conosco de volta aqui o responsável pelo boom do triathlon nacional, o CEO da Unlimited Sports, empresa responsável pelo Triday Series e as provas do circuito Ironman aqui no Brasil, uma espécie de prefeito de Florianópolis, o triatleta campeão Paulista de 1999, 5º colocado no Sul-Americano no ano 2.000, o Vice-Campeã Brasileiro de 2002 e que agora, acaba de conquistar o título de Campeão do Ironman 70.3 do Panamá em sua categoria. Um sujeito que acredita que contra fatos e números não há argumentos, o brasiliense Carlos Alberto Viana Galvão. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Fundada em 1983, a italiana Technogym é uma das marcas líderes em produtos e tecnologias digitais para fitness, esporte, saúde e bem-estar. Há mais de 40 anos, a empresa oferece um ecossistema completo de equipamentos inteligentes, soluções digitais, experiências de treinamento sob demanda, além de aplicativos que permitem que cada usuário acesse uma experiência de treinamento totalmente personalizada a qualquer hora e em qualquer lugar. Considerada uma das líderes mundiais em bem-estar, no coração da marca Technogym reside o desejo de promover o exercício regular, uma dieta equilibrada e uma abordagem mental positiva – que se traduz em tudo o que a empresa faz, desde produtos, a serviços digitais de fitness e design de interiores. Tecnologia de ponta associada ao inovador design italiano, os equipamentos e soluções digitais da Technogym são reconhecidos mundialmente pela superior qualidade, versatilidade, praticidade e estão presentes em mais de 100 países. Hoje, mais de 85 mil academias e 500 mil residências em todo o mundo são equipadas com Technogym. A marca foi nomeada fornecedora oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris 2024 pela nona vez consecutiva. https://www.technogym.com/pt-BR/ @technogym_brazil Um oferecimento da Galibier, vida, saúde e previdência. A Galibier Vida, Saúde e Previdência, com mais 20 anos de história, o comprometimento total com seus clientes e uma alta credibilidade, oferece as melhores soluções em proteção e segurança que você encontra no mercado, para você e seus familiares, com planos de seguro de Vida, Saúde e Viagem. Credenciada nas melhores e mais renomadas seguradoras, a Galibier tem o compromisso de intermediar e estreitar a relação entre a seguradora e você, o segurado, proporcionando e garantindo as condições ideais para que suas expectativas e necessidades sejam plenamente atendidas. A Galibier oferece serviços para seu bem-estar, como o Seguro de Vida Resgatável, que além de resguardar e proteger o futuro das pessoas que você ama, no caso de uma falta inesperada no curto prazo, dá a opção, desde que acordada em sua apólice, de resgatar os valores em seu seguro para utilizá-los no que quiser ou precisar. Outro serviço importante é o Seguro Saúde com cobertura mundial, que lhe confere o poder de livre escolha de médicos, clínicas e hospitais de sua confiança, no momento em que precisar aqui no Brasil e em qualquer parte do mundo com atendimento nos melhores hospitais e laboratórios. A Galibier também oferece aos seus clientes completos planos de Seguro Viagem, para que seu roteiro, seja ele de turismo ou negócios, esteja protegido contra todo o tipo de necessidade, de pequenos incidentes, como bagagens extraviadas ou cancelamento de vôos por exemplo, até a cobertura de despesas médico hospitalares de todos os tipos. Colocar a Galibier em seu futuro é uma escolha sensata. Aproveite os melhores momentos da vida com quem você ama, livre de preocupações com o amanhã. Siga e conheça mais sobre a Galibier através do seu perfil no instagram, em @galibierconsultoria. Galibier, cuidando de você e sua família. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quando a paixão pelo esporte se une à energia transformadora, grandes histórias acontecem. E você, já sentiu a adrenalina de estar no controle? Conheça o Mercado Livre de Energia, a escolha certa para empresas que buscam eficiência e economia. Com a Boven, especialista há mais de uma década, você não só migra para essa revolução, como também garante segurança em todo o processo. Não deixe essa oportunidade escapar. Abra as portas para o sucesso com a Boven e eletrize seu futuro. De energia, a Boven entende! boven.com.br        
126:34 11/04/2024
#348 Luli Cox
Minha convidada foi criada em um ambiente de muito esporte. Sua avó foi uma grande atleta em provas de lançamento de disco e dardo, e no tênis conquistou diversos títulos. Ela, por sua vez, foi do judô à natação, da corrida de velocidade ao lançamento de pelota, do jazz ao tênis. Nas águas da Ilhabela acompanhava seu pai no mergulho livre. Em Campos do Jordão, cidade serrana que frequentava bastante, tornou-se ao lado da mãe uma especialista no resgate do pai quando ele saltava de asa delta. No último escolar, chegou a ir com pedalando para as aulas com uma amiga através da caótica via Marginal Pinheiros, em São Paulo e já na faculdade, usava a bicicleta como meio de locomoção. Um dia, na academia de ginástica que frequentava, recebeu o convite para integrar uma equipe em uma corrida de aventura. O cara que a convidou sumiu, mas animada, decidiu seguir adiante e montou a própria equipe. A modalidade casou perfeitamente com o seu espírito e durante alguns anos ela competiu diversas provas, como as icônicas Ecomotion, Brasil Wild, Chauás, Adventure Camp, Haka Race entre tantas outras. Participou também da ultra maratona Cruce de Los Andes, de uma prova de ciclocross e algumas de mountain bike. Em 2008 trabalhou foi voluntária na Cape Epic e ficou maravilhada. Convidou a irmã que a vida lhe deu e juntas se prepararam para participar da próxima edição da prova de mountain bike em etapas mais famosa do mundo. A sintonia entre as duas foi perfeita, tornado a experiência mágica e fazendo com que a dupla quisesse viver mais momentos assim. Como um time, o Flower People, participaram ainda do Tour de La Patagônia, a Transrockies, a Brasil Ride em tandem, a BC Bike Race e até a Loire 725, uma prova de uma semana remando de stand-up paddle 16h por dia. A alegria, descontração e animação da dupla, aliada ao emprego sem limites da cor rosa em seus uniformes, equipamentos e adereços, além de coreografias exaustivamente ensaiadas fazem a alegria dos participantes e chamam a atenção da imprensa de qualquer evento que participem, criando assim a sua marca registrada. Mesmo quando sua parceira não pode, ela não para e está sempre entretida com algum desafio, como uma Spartan Race na Tailândia, o Desafio do Dunga em Orlando, um XTerra na Sardenha, uma Backyard Ultra em Portugal, uma prova de mountain bike no Vietnam e agora, recentemente, uma tradicionalíssima prova de 90km de esqui cross country na Suécia, a Vasaloppet. Conosco aqui a arquiteta, empresária, mestre de yoga formada em ciência do bem-estar e aventureira de corpo e alma, que não pretende parar tão cedo, criadora da Flower People X, a divertida Luciana Cox. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.  Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quando a paixão pelo esporte se une à energia transformadora, grandes histórias acontecem. E você, já sentiu a adrenalina de estar no controle? Conheça o Mercado Livre de Energia, a escolha certa para empresas que buscam eficiência e economia. Com a Boven, especialista há mais de uma década, você não só migra para essa revolução, como também garante segurança em todo o processo. Não deixe essa oportunidade escapar. Abra as portas para o sucesso com a Boven e eletrize seu futuro. De energia, a Boven entende! boven.com.br      
118:41 04/04/2024
#347 Weimar Pettengill
Desde criança, meu convidado vem levando uma vida intensamente ligada à natureza. Nascido em Campo Grande, logo se mudou para Bonito e foi morar na roça. Um caçador de aventuras nato, aos 7 anos de idade já tentava atravessar a nado o rio Aquidauana, em pleno pantanal matogrossense do sul. Aos 13 anos vieram as motocicletas, aos 14 a canoagem e o êxtase de explorar rios desconhecidos. Seguiu praticando rally, enduro de moto, participou de competições de moto velocidade e para manter o condicionamento físico, nadava e corria. A escalada surgiu aos 27 e com ela a paixão pelo vertical. Formou-se a compreensão de que os limites se rendem facilmente a um corpo e uma mente em sintonia. A bicicleta veio somente aos 30 anos e como não poderia deixar de ser, fora das estradas de asfalto. Três anos depois começou a participar de corridas de aventura e até os 40 anos foi tempo de consolidar tudo, vocação para o que vinha naturalmente, dedicação para o que parecia complicado demais. As motos retornaram à sua vida, com cilindradas bem maiores e como um meio para se aventurar pelo mundo. Aos 45 anos começou a praticar corrida de montanha, ao mesmo tempo em que o talento para contar causos ficou evidente. Então, bastou juntar tudo e abrir espaço na agenda para curtir a vida ao ar livre. Além de alguns enduros, pilotando sua motocicleta ele já rodou milhares de quilômetros pela América do Sul. No mountain bike, participou 11 vezes da Brasil Ride, três vezes da Transandes, duas da Cape Epic e uma vez da British Columbia Bike Race, no Canadá. Venceu a Transandes na categoria duplas mistas e na Brasil Ride, foi duas vezes terceiro colocado, uma na categoria mista e outra na master. Entre as diversas viagens/expedições de bicicleta que fez, pedalou 1.700 km de Brasília a Paraty em uma tandem e 1.500 km de Brasília a Corumbá. Além de ser um experiente trilheiro, correu 120 km na Ultramaratona Pantanal e uma ultra de 70 km na Chapada Diamantina. Escalou na rocha em diversos lugares pelo país e chegou ao cume do Huayna Potosi, na Bolívia e sozinho, foi ao topo do Aconcágua, na Argentina. Participou também de diversas corridas de aventura como a Chauás, a Red Bull Kirimbawa Amazônia, a Brasília Multisport e a Desbrava Centro Oeste. Há três anos foi diagnosticado com um câncer espinocelular na cabeça, mas nem por isso, mudou o seu estilo de vida e continua se aventurando pelo mundo, sempre com muito estilo. Conosco aqui o servidor público, fotógrafo, habilidoso comunicador que é a epítome do espírito inquieto, aventureiro e desbravador. Um ser humano para quem não há limites e que vive tudo o que é possível, da maneira mais intensa, o pantaneiro Weimar Pettengill. SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quando a paixão pelo esporte se une à energia transformadora, grandes histórias acontecem. E você, já sentiu a adrenalina de estar no controle? Conheça o Mercado Livre de Energia, a escolha certa para empresas que buscam eficiência e economia. Com a Boven, especialista há mais de uma década, você não só migra para essa revolução, como também garante segurança em todo o processo. Não deixe essa oportunidade escapar. Abra as portas para o sucesso com a Boven e eletrize seu futuro. De energia, a Boven entende! boven.com.br Fundada em 1983, a italiana Technogym é uma das marcas líderes em produtos e tecnologias digitais para fitness, esporte, saúde e bem-estar. Há mais de 40 anos, a empresa oferece um ecossistema completo de equipamentos inteligentes, soluções digitais, experiências de treinamento sob demanda, além de aplicativos que permitem que cada usuário acesse uma experiência de treinamento totalmente personalizada a qualquer hora e em qualquer lugar. Considerada uma das líderes mundiais em bem-estar, no coração da marca Technogym reside o desejo de promover o exercício regular, uma dieta equilibrada e uma abordagem mental positiva – que se traduz em tudo o que a empresa faz, desde produtos, a serviços digitais de fitness e design de interiores. Tecnologia de ponta associada ao inovador design italiano, os equipamentos e soluções digitais da Technogym são reconhecidos mundialmente pela superior qualidade, versatilidade, praticidade e estão presentes em mais de 100 países. Hoje, mais de 85 mil academias e 500 mil residências em todo o mundo são equipadas com Technogym. A marca foi nomeada fornecedora oficial dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Paris 2024 pela nona vez consecutiva. https://www.technogym.com/pt-BR/ @technogym_brazil Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira que está há 10 anos no mercado. Pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance e inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida pela grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados pelos movimentos repetitivos durante a prática esportiva, desenvolvidos especialmente para atletas, por atletas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar resistente à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de atividade, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e muito agradáveis no contato com a pele. Os produtos da Pink Cheeks podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. @pinkcheeksbrasil As mountain bikes da Scott todos nós já conhecemos e admiramos, mas você sabia que a marca suíça também tem uma impressionante linha de acessórios? Sim, entre os seus destaques estão os modernos óculos de sol Pro Shield, projetados para ciclistas e desenvolvidos para velocidade, com um design que oferece ventilação superior sem sacrificar a necessária proteção para seus olhos. Para completar, o modelo conta com sistemas de ajuste no nariz e nas têmporas, visando maior conforto. Os óculos de sol Pro Shield da Scott levarão sua visão para o próximo nível. Conheça esse e outros produtos muito especiais, nas revendas autorizadas Scott em todo o Brasil. Scott: Inovação, Tecnologia e Design. @scott_bike_brasil.              
155:02 28/03/2024
#346 Roberta Muricy
Minha convidada começou a nadar no Fluminense com apenas seis meses de idade. Lá ficou até cansar da natação,  quando tinha 12 anos. Decidiu então praticar jazz e balé, e matriculou-se no famoso Espaço Tápias. Na escola praticava judô, ginástica olímpica e voleibol. A dança, porém, fez a sua cabeça e para desespero do pais, chegou a cogitar tornar-se bailarina profissional, trancando o curso de Comunicação Social, na PUC do Rio. Ensaiou em um grupo profissional durante alguns meses mas percebeu que o futuro na dança seria árduo de mais. Voltou para a faculdade e matriculou-se em uma academia de ginástica, onde corria, praticava musculação e ioga. Nessa mesma época, com 18 anos de idade, começou a carreira de modelo. Embora tivesse participado de uma corrida de rua de 5km, ela preferia correr na esteira, como uma forma de manter o condicionamento físico e o peso. Formou-se em Publicidade e entre um trabalho e outro modelando, conseguiu um emprego como vendedora da marca Osklen. Depois de 2 anos, mudou-se com o primeiro marido para Roma e lá fez um curso de formação de chef de cozinha. Trabalhou em dois restaurantes, um deles classificado com uma estrela Michelin. De volta ao Brasil, continuou cozinhando em eventos particulares e quando o casamento terminou, voltou a trabalhar na Osklen, primeiro como vendedora e depois na área de programação visual. Foi apenas em 2012 que começou a treinar a corrida de maneira mais séria e passou a participar de competições. No ano seguinte estreou nas meias maratonas. Uma lesão a fez parar com a corrida, então resolveu voltar a nadar, agora no mar, e começou a pedalar de vez em quando. Veio a vontade de experimentar o triathlon. Em outubro de 2015 participou do Ironman 70.3 do Rio, sua primeira prova da modalidade. Um ano depois correu sua primeira maratona, em Atenas e depois mudou-se para os Estados Unidos. Participou de provas de duathlon e triathlon e começaram os primeiros sintomas da distonia, um distúrbio neurológico que afeta, principalmente, os músculos. De volta ao Brasil, participou de provas de MTB e de triathlons fora de estrada, os XTerra. Conheceu o seu atual marido, Bernardo Fonseca, e passou a desafiar-se em aventuras como o trekking do Monte Kilimanjaro, a travessia do Leme ao Pontal em revezamento e agora, no começo do ano, o trekking do vulcão Lanín, um clássico do montanhismo sul-americano. Decidida a encarar de frente a distonia, ela enfrenta cada dia como uma oportunidade em busca da cura, ou da sabedoria para entender e aprender a lidar com os seus novos desafios. O caminho é longo e sinuoso, mas ela acredita que com conhecimento e equilíbrio, será capaz de vencer. Conosco aqui a modelo carioca, publicitária com MBA em gestão de moda, cozinheira especialista em granolas e atleta amadora, a resiliente Roberta Meurer Muricy. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quando a paixão pelo esporte se une à energia transformadora, grandes histórias acontecem. E você, já sentiu a adrenalina de estar no controle? Conheça o Mercado Livre de Energia, a escolha certa para empresas que buscam eficiência e economia. Com a Boven, especialista há mais de uma década, você não só migra para essa revolução, como também garante segurança em todo o processo. Não deixe essa oportunidade escapar. Abra as portas para o sucesso com a Boven e eletrize seu futuro. De energia, a Boven entende! boven.com.br    
127:22 21/03/2024
#345 Fernando Oliveira
A história do meu convidado começou na Zona Norte de São Paulo. Como um garoto inquieto dos anos 70, vivia perambulando pela região do bairros de Santana e do Tremembé, de skate ou de bicicleta. Teve o privilégio de viver ao lado da Serra da Cantareira, que era praticamente o seu quintal. Faixa roxa de judô, foi seu sensei quem lhe trouxe o exemplo da disciplina. Fascinado por carros, logo que teve condições, começou a se aventurar a bordo de clássicos como o Toyota Bandeirantes. Viajava para o litoral norte onde também se jogava nas ondas com a sua prancha. Curtiu bastante as motos e participou das primeiras edições do Enduro das Montanhas e o da Independência. As bicicletas também marcaram importantes fases em sua vida. Teve uma Berlineta, depois a incrível Fórmula C de três marchas, uma Caloi 10 amarela até chegar na Cruiser, que ele adaptou para enfrentar as trilhas da Cantareira. Foi aí que percebeu que faltavam acessórios básicos para os ciclistas, em uma época em que o mountain bike engatinhava por aqui. Como muitos, se virava com o que havia no mercado e improvisava bastante. No início de 1990, durante uma viagem aos Estados Unidos, conheceu o acessório de bicicleta que mudaria sua vida: a bolsa de selim. Profissionalmente já havia empreendido em uma padaria, uma choperia e tocava então uma pizzaria conhecida no bairro. Mas a descoberta da bolsa de selim, aliada ao seu espírito inquieto e aventureiro, fez com que ele acreditasse que poderia iniciar um novo negócio, no qual pudesse por em prática seus valores, para movimentar um mercado carente e trazer novidades. Assim, depois de uma madrugada riscando, cortando e montando as partes da sua bolsa de selim, nasceu o primeiro protótipo. Na mesma semana investiu o pouco que tinha em uma máquina industrial para começar a produção. A dificuldade em fazer seus potenciais clientes entenderem a funcionalidade do acessório foi grande, mas o brilho em seus olhos e sua insistência acabaram falando mais alto e aos poucos fechou os primeiros pedidos. Ao lado da esposa e fiel escudeira, fizeram a marca prosperar, criaram dois filhos e principalmente, construíram um negócio que lhes trouxe a liberdade para viver uma vida intimamente ligada à natureza, alicerçada em sólidos pilares de respeito à todos os envolvidos no negócio, dos funcionários aos consumidores. Recebo aqui um sujeito íntegro que se mantém fiel ao propósito de ser justo e ter um negócio que seja bom para todos. O quase agrônomo, empreendedor insistente e idealista, um extra terrestre no voraz mundo dos negócios, o fundador da Curtlo, o meu amigo Fernando José Oliveira. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br        
135:55 14/03/2024
#344 Raquel Farcioli
Ela nasceu em São Bernardo do Campo. Dos 9 aos 17 anos de idade morou em um sítio da família na cidade de Promissão, interior de São Paulo. Lá jogou futebol e andou bastante de bicicleta. Ao ingressar na faculdade, parou totalmente com qualquer atividade física. Formou-se, começou a trabalhar e conheceu seu marido. Após o nascimento do filho, optou em dedicar-se integralmente à maternidade. No final de 2018, quando ele já tinha quase dois anos, decidiu voltar a cuidar da sua saúde e foi aqui que o esporte entrou em sua vida. Começou com a corrida, depois competiu algumas provas de triathlon e por fim, em 2021, o diagnóstico de um doença auto imune a fez reencontrar uma relação especial com a bicicleta e desde então, não parou mais de pedalar. Participou de brevets de até 1.000 km, é recordista do Caminho da Fé, campeã do Rock Mountain Games Gravel de 2022, campeã do Brasil Ride e do Giro D’Italia Brasil na categoria e-bike, vice campeã do MTB 12h solo, campeã do Bikingman e do Across Andes de 2023. Não importa o tipo da bicicleta, ela se tornou uma ativista da modalidade e uma propagadora do estilo de vida esportivo. Não importa a linha de chegada, para ela o esporte transforma vidas e é para todos! Conosco aqui a veterinária, ciclista apaixonada e campeã que adora um desafio, e para quem não há limites. A são-bernardense Raquel Farcioli Parizi. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.   Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Você sabe qual a diferença entre os raios solares UVA x UVB e a LUZ AZUL? A Pink Cheeks explica: Geralmente nós observamos apenas a informação FPS nas embalagens dos protetores solares, que diz respeito apenas aos raios solares UVB, entretanto o sol emite diferentes radiações que também merecem nossa atenção. O UVA por exemplo, penetra mais fundo na pele e por isso os efeitos do UVB acabam por ser mais perceptíveis, pois atingem camadas mais superficiais, causando vermelhidão e ardência. Já o UVA por entrar mais na pele, atinge a derme, causando diminuição de produção de colágeno e elastina e aumentando as chances de se desenvolver o indesejável câncer de pele. No Brasil existe uma legislação que exige que a proteção UVA seja no mínimo ⅓ da proteção UVB. Mas os protetores da Pink Cheeks excedem essa recomendação, fornecendo ainda mais proteção. O Pink Stick, por exemplo, tem FPS 90 e FPUVA 70. Enquanto a produção de UVB está mais presente entre 11h e 13h, o UVA está presente o dia todo das 5h da manhã até as 18h e está presente também em dias nublados. E a famosa luz azul? É a luz visível, proveniente da iluminação por lâmpadas artificiais, como luz do celular, computador e televisão. Por ser uma radiação de médio poder energético, consegue atingir camadas intermediárias da pele e é responsável por desencadear diferentes danos. Você já sabe: proteção solar, sempre! A Pink Cheeks está com você e em todos os movimentos. Tem alguma dúvida ou quer saber mais dicas? Entre em contato com a Pink Cheeks. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br        
117:09 07/03/2024
#343 Ariane Monticeli
Minha convidada nasceu em Porto Alegre há 41 anos. Jogou voleibol, mas o esporte coletivo não se encaixava com sua forte personalidade. Aos 13 anos de idade, encontrou na corrida o esporte ideal: não dependia de ninguém, era 100% responsável pelo seu desempenho. Aos 18 anos começou a trabalhar como comissária de bordo e por mais de uma década viajou pelo Brasil sempre acompanhada de um lenço ao redor do pescoço e um par de tênis, até que um amigo lhe apresentou o triathlon. Durante três anos participou de diversas provas curtas. Em 2008 mudou de profissão e passou a viver do esporte. Uma atleta esforçada, daquele tipo que não desiste nunca, ela se tornou famosa pela sua garra nos treinos e competições. Alcançou a fama entre os adeptos da modalidade pelas suas vitórias e declarações. Resiliente e persistente, competiu 18 provas nas distâncias do Ironman. Em 2017, após testar positivo em um exame anti-doping, tentou tirar a própria vida e exilou-se na Austrália, mas não antes de sentir a ira das pessoas através das redes sociais. Essa foi sua primeira queda. Sumiu por um bom tempo até voltar lentamente a se comunicar através delas, apenas com os amigos mais próximos e alguns devotados admiradores. Em junho de 2019 sofreu um acidente gravíssimo enquanto pedalava, foi mais um forte golpe da vida, mas encontrou forças para se reerguer, principalmente após uma muito bem sucedida campanha que levantou fundos para o seu tratamento. Decidiu então quebrar o silêncio e esteve aqui no Endörfina em agosto de 2020. Animada com a sua recuperação, falou sobre tudo, sobre o passado e seus planos para o futuro, que não incluíam a volta ao triathlon. O impensável aconteceu quando foi atropelada novamente e teve que se reerguer pela terceira vez. Desde então, muita coisa mudou, inclusive o fato de ter voltado a morar no Brasil em novembro de 2022 e agora, em fevereiro, ter reestreado no triathlon profissional, depois de 7 anos longe das competições. Conosco aqui a massoterapeuta, triatleta campeã do Ironman Brasil 2015, a transparente, energética, impetuosa, competitiva, furiosa, a gaúcha Ariane Gomes Monticeli da Silveira. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.   Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br Um oferecimento da Galibier, vida, saúde e previdência. A Galibier Vida, Saúde e Previdência, com mais 20 anos de história, o comprometimento total com seus clientes e uma alta credibilidade, oferece as melhores soluções em proteção e segurança que você encontra no mercado, para você e seus familiares, com planos de seguro de Vida, Saúde e Viagem. Credenciada nas melhores e mais renomadas seguradoras, a Galibier tem o compromisso de intermediar e estreitar a relação entre a seguradora e você, o segurado, proporcionando e garantindo as condições ideais para que suas expectativas e necessidades sejam plenamente atendidas. A Galibier oferece serviços para seu bem-estar, como o Seguro de Vida Resgatável, que além de resguardar e proteger o futuro das pessoas que você ama, no caso de uma falta inesperada no curto prazo, dá a opção, desde que acordada em sua apólice, de resgatar os valores em seu seguro para utilizá-los no que quiser ou precisar. Outro serviço importante é o Seguro Saúde com cobertura mundial, que lhe confere o poder de livre escolha de médicos, clínicas e hospitais de sua confiança, no momento em que precisar aqui no Brasil e em qualquer parte do mundo com atendimento nos melhores hospitais e laboratórios. A Galibier também oferece aos seus clientes completos planos de Seguro Viagem, para que seu roteiro, seja ele de turismo ou negócios, esteja protegido contra todo o tipo de necessidade, de pequenos incidentes, como bagagens extraviadas ou cancelamento de vôos por exemplo, até a cobertura de despesas médico hospitalares de todos os tipos. Colocar a Galibier em seu futuro é uma escolha sensata. Aproveite os melhores momentos da vida com quem você ama, livre de preocupações com o amanhã. Siga e conheça mais sobre a Galibier através do seu perfil no instagram, em @galibierconsultoria. Galibier, cuidando de você e sua família.
90:42 29/02/2024
#342 Luciana Haddad
Minha convidada não era chegada nas atividades físicas e chegou a apresentar atestados médicos para evitar as aulas educação física na escola. Foi uma garota tímida e até introspectiva, com alguns traços de personalidade que flertavam com a depressão. Estudiosa e aplicada, entrou cedo no curso de medicina e dedicou-se intensivamente. De volta ao Brasil depois de um período fazendo fellow em Paris, resolveu perder alguns quilos que havia acumulado durante a viagem. A corrida lhe pareceu a maneira mais rápida de voltar a sentir-se bem em seu corpo. A sensação de correr vinte minutinhos na rua foi maravilhosa. Sua auto-estima melhorava à medida que as distâncias percorridas cresciam. Ela havia se tornado uma corredora aplicada. Correu algumas maratonas e uma até uma ultra, mas ela queria mais. Comprou uma bicicleta para diversificar os treinos e algum tempo depois teve vontade de experimentar o triathlon. Passou também a nadar pois queria se desafiar e curtir os efeitos benéficos da produção de serotonina, dopamina, oxitocina e endorfina pelos seus neurônios. Aquela sensação era o elixir que lhe faltava para afastar qualquer rastro de depressão que ainda existia dentro da sua mente. Muita vontade e determinação levaram-na a participar de 6 campeonatos Mundiais de Ironman no Havaí e mais 9 provas da distância, a conquistar alguns títulos como amadora e a se tornar uma referência tanto no meio esportivo como no meio da medicina. Através do seu perfil no Instagram ganhou fama, principalmente durante a pandemia, quando esteve trabalhando na linha de frente. A possibilidade de falar com milhares de pessoas a fez criar o seu próprio canal no YouTube, onde, com maestria, leva ciência sobre saúde e qualidade de vida de forma descomplicada para milhares de pessoas. Decidida a dar um tempo do triathlon, no final de 2022 estreou nas corridas de montanha e ano passado participou de duas ultras, a UTMB de Paraty e a La Mission. Conosco aqui a paulistana que um dia foi tímida, médica, livre docente, pesquisadora, youtuber, presidente da Associação Brasileira de Transplante de Orgãos, triatleta e corredora montanha, a doutora Luciana Bertocco de Paiva Haddad. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira que está há 10 anos no mercado. Pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance e inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida pela grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados pelos movimentos repetitivos durante a prática esportiva, desenvolvidos especialmente para atletas, por atletas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar resistente à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de atividade, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e muito agradáveis no contato com a pele. Os produtos da Pink Cheeks podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. @pinkcheeksbrasil         
123:47 22/02/2024
#341 Marina Helena Klink
Por influência dos pais, ela praticou vela até o início da adolescência. Depois, através da educação física escolar teve contato com diversas modalidades. Sua infância, porém, foi bastante diferente da vivida pela maioria das outras crianças. Ela e suas duas irmãs mais velhas tiveram experiências incríveis ao viajarem com os pais algumas vezes para a Antártica e isso foi determinante para a construção da sua personalidade e maneira curiosa de enxergar o mundo. Em 2020, durante a pandemia, para manter-se sã e saudável, começou a correr. Autodidata, gostava de estudar fisiologia e montou ela mesma o seu esquema de treinos. Pegou gosto pelo esporte e em 2022 participou da Meio Maratona do Rio de Janeiro. As sensações provocadas pela corrida motivaram-na a procurar um técnico, pois ela queria experimentar a maratona. Em 2023 estreou em Porto Alegre no meio do ano e alguns meses depois, concluiu a Maratona de Amsterdam em excelentes 3h03’. Além do bem estar e superação física, a corrida lhe proporcionou uma experiência de auto-conhecimento e reflexão, algo que combinou com a sua personalidade. Formou-se em Administração de Empresas pela FGV e trabalhou algum tempo como analista de private equity para então descobrir que queria ser médica. Estudou e hoje cursa a faculdade do Albert Einstein. Conosco aqui uma futura médica, corredora, fotógrafa, escritora e observadora, a jovem paulistana Marina Helena Bandeira Klink. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.\ Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br        
144:36 15/02/2024
#340 Patrícia Volpato
Quando criança, minha convidada não foi boa nos esportes e mal chegou a aprender a andar de bicicleta, mas gostava de dançar, patinar e nadar. Praticou natação e em seu primeiro trabalho, até participou de um campeonato de revezamento. Quando conheceu a sua cara metade em 2011, reaprendeu a pedalar. Fizeram juntos algumas ciclo viagens e a bicicleta foi se integrando à sua vida. Em 2015, mudaram-se para São Paulo, sua dedicação às duas rodas aumentou e ela passou a treinar com maior seriedade. Participou do L’Étape Brasil, do Granfondo Uruguay e em 2019, percorreu o Caminho de Santiago de Compostela, na Espanha. Em 2021 participou, em dupla com o marido, da Across Andes uma prova realizada no Chile e em 2023, concluiu o Bikingman Brasil, prova de 1.000 km na qual os participantes devem ser auto suficientes. Conosco hoje a administradora especialista em recursos humanos, uma ciclista de ultra distâncias apaixonada, a lagoense Patrícia Volpato. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br      
117:04 08/02/2024
#339 Marcelo Gleiser
Meu convidado nasceu e cresceu em Copacabana e desde cedo foi fascinado pela natureza. Perdeu a mãe quando tinha apenas 6 anos de idade e isso despertou nele o seu lado mais espiritualizado. Foi campeão carioca de vôlei mirim e infanto-juvenil. Em 1975, conquistou o campeonato brasileiro de vôlei infanto-juvenil na mesma equipe do famoso Bernardinho. Chegou a pensar em ser músico, mas por influência do pai, o senhor Isaac, ingressou no curso de Engenharia Química mas logo entendeu que gostava mesmo de física, matemática e cálculo. Transferiu-se para o curso de Física da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Bacharelou-se em 1981, mesmo ano em que representou o voleibol brasileiro nos jogos Macabíadas em Israel, conquistando a medalha de prata. No ano seguinte fez seu mestrado na Universidade Federal do Rio de Janeiro e um doutorado no King's College de Londres. Em 1983 foi Campeão Universitário de voleibol do Reino Unido. Fez um estágio de pós-doutorado no Instituto de Física Teórica da Universidade da Califórnia e no Fermilab, um dos mais importantes laboratórios de física de partículas do mundo. Em 1991 foi nomeado professor assistente de física e astronomia no Dartmouth College em New Hampshire e sete anos depois assumiu como professor titular do posto. Publicou cerca de 100 artigos científicos – seu principal objeto de estudo é a cosmologia. Foi colunista do jornal Folha de S.Paulo e apresentou duas séries sobre cosmologia no programa Fantástico, da TV Globo. Após muitos anos focado na vida acadêmica e profissional, em 2011, aos 52 anos de idade, correu sua primeira meia-maratona. Depois pegou gosto pelas corridas de obstáculos Spartan e chegou a ficar entre os 5 primeiros melhores do mundo na sua faixa etária nos anos 2014 e 2015. Depois começou a correr ultra maratonas em montanhas e trilhas pelo mundo inteiro. Entre as 18 provas de até 100k que correu até hoje, estão algumas edições da UTMB, a Lavaredo Ultra Trail, a Vermont 50, a Ultra Trail Cape Town, Conosco aqui o físico agnóstico, astrônomo, Ph.D em filosofia, professor, escritor, pesquisador e palestrante sobre tópicos relacionados à inovação, tecnologia, ciência, liderança e mais amplamente, sobre o futuro coletivo da humanidade em um planeta com recursos limitados. Autor de 15 livros traduzidos em 18 idiomas e vencedor, entre outros, do Prêmio Templeton em 2019, uma espécie de Nobel da espiritualidade que anualmente é destinado a profissionais com contribuições excepcionais para a afirmação da dimensão espiritual da vida, seja por meio de insights, descobertas ou obras práticas. Um corredor de montanha vegetariano para quem o ato de correr é uma experiência completamente religiosa, o carioca Marcelo Gleiser. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira que está há 10 anos no mercado. Pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance e inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida pela grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados pelos movimentos repetitivos durante a prática esportiva, desenvolvidos especialmente para atletas, por atletas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar resistente à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de atividade, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e muito agradáveis no contato com a pele. Os produtos da Pink Cheeks podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. @pinkcheeksbrasil
97:37 01/02/2024
#338 Odara Sá
Filha de uma professora e um funcionário público, minha convidada nasceu no interior do Piauí. Durante a infância, praticou esporte nas aulas de educação física e gostava de futebol. Deixou sua cidade natal para cursar o ensino médio na capital e de lá, ingressou no curso de nutrição da Universidade Federal de São Paulo. Foi somente em 2017 que se interessou pela corrida, quando decidiu que queria correr a maratona de Boston. Foi fundo na sua vontade e em um ano participou de cinco maratonas. O índice não veio e ela então resolveu deixar a corrida em 2019 para praticar crossfit e natação. Em 2020 voltou a correr, porém, as maratonas já não eram uma motivação. Ao assistir uma aula do colega de profissão, o Doutor Reinaldo Tubarão Bassit, ouviu sobre os eventos de ultra endurance. Ela surtou! Se inscreveu na sua primeira ultra, a Delta do Parnaíba e chegou em 3. lugar. Depois veio a BR135 e mais algumas provas de 100km. As ultra maratonas despertaram nela, não apenas o interesse profissional e científico, mas a vontade de se aprofundar no auto conhecimento. Ela já trabalhou com atletas de alto rendimento do badminton e parabadminton, atletismo, vôlei, judô e ciclismo. Nos Jogos Pan-Americanos de Santiago 2023, participou da equipe de controle de doping. Em 2023 finalmente participou da Maratona de Boston, de quatro Backyards Ultra e foi a segunda brasileira da história a concluir os 246km da Spartathlon, na Grécia. Conosco aqui a nutricionista pós-doutoranda pela Faculdade de Medicina de São Paulo, Ph.D em Ciências da Saúde, integrante do Grupo de Pesquisa de Fisiologia aplicada a Nutrição e Colaboradora da NeuroSport Lab,  professora de graduação e pós, palestrante, peregrina e ultra maratonista intensa, Campeã da Ultra Indaiatuba, terceira colocada na BR135, a primeira mulher campeã de uma Backyard Ultra no Brasil e também a primeira brasileira campeã dessa nova modalidade, a fronteirense para quem tudo é possível, Odara Maria de Sousa Sá. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br      
155:44 25/01/2024
#337 Thelma D'Amélio
Ela nasceu em São Paulo, no Amparo Maternal, uma instituição de apoio à gestantes em situação vulnerável. Com poucos dias de vida, foi adotada por um casal, cuja mulher havia perdido o filho no parto. Quando tinha 4 anos de idade seus pais adotivos se separaram. O divórcio foi litigioso e bastante traumático. Seu pai tornou-se então ausente. A situação financeira fez sua mãe voltar a trabalhar e estudar. Assim, ela e seu irmão mais novo foram criados pela avó materna, dona Cida, uma mulher simples, na época analfabeta e dona de uma força imensurável. Incentivada pela mãe, praticou bastante esportes. Começou com a natação, depois a ginástica artística, esportes de quadra, dança e chegou a competir na ginástica aeróbica. Dançando ela encontrou a válvula de escape para tantas emoções represadas. Na época também tocava piano onde ficava por horas, isolada em seu mundo. O movimento, a música e o esporte assumiram um papel importante e muito especial em sua vida. Aos 9 anos de idade descobriu que era adotada e seu mundo caiu. A sensação de ter sido enganada e as dúvidas pesaram sobre ela. Nessa mesma época sofreu um abuso sexual e novamente veio o sentimento de culpa e medo. Na adolescência teve a primeira crise de depressão e anorexia. Prestou vestibular e passou em Educação Física e Jornalismo. Optou pelo segundo porque, segundo seu pai, com a educação física ela morreria de fome. No meio da graduação descobriu que gostava mesmo era de trabalhar com o movimento e esporte. Matriculou-se em Educação Física e cursou as duas faculdades enquanto trabalhava. Problemas de relacionamento com a mãe a fizeram sair de casa com 21 anos de idade. Estudava de manhã e dava aulas de ginástica o resto do dia. O dinheiro dava para o básico e muitas vezes pulava uma refeição para ter como pagar suas contas. Foi difícil, mas libertador. Seus finais de semana eram preenchidos com esporte e ela geralmente pedalava e corria. Viveu um relacionamento sério e com o casamento marcado, descobriu a traição, o que lhe feriu a alma. Em 2004, então com 27 anos de idade, decidiu morar com o pai e para evitar conflitos quando ele chegava alcoolizado em casa, voltou a nadar. Nos intervalos das aulas na academia pedalava no spinning e corria. Foi o começo do que viria a ajuda-la pelo resto da vida, estar em paz consigo mesma e desacelerar seus pensamentos. Nessa época teve bulimia e crises de depressão. Durante um desentendimento com o pai, foi convidada a deixar casa dele. Tentou morar com mãe, mas foi aconselhada por ela a procurar uma pensão. Foi talvez um dos momentos mais difíceis da sua vida. Deprimida, sem conseguir trabalhar e sem condições de se sustentar sozinha. Chegou a pedir para a mãe interna-la em uma clínica psiquiátrica. Uma amiga então a indicou uma terapeuta e aos poucos ela melhorou. Voltou a dar aulas e conseguiu um novo lugar para morar. Nas horas vagas nadava, pedalava e corria. Após alguns anos, decidiu empreender e montou um estúdio de Pilates, que prosperou. Nessa mesma época viu seu pai adoecer de câncer e recusar o tratamento. Durante um ano ela sofreu calada, sentindo-se impotente. Em seu último dia de vida ela pode ver em seus olhos um pedido de perdão e arrependimento. Ela o perdoou. Já um pouco mais confortável financeiramente, ainda lhe faltava realizar o sonho de construir a própria família. Viveu um relacionamento abusivo e violento que só foi superado com a ajuda da sua terapeuta e quando já estava conformada com a idéia de se tornar “titia”, conheceu o homem da sua vida. Triatleta, professor de educação física e proprietário de academia. Pouco tempo depois, engravidou do primeiro filho. Começaram uma vida juntos sonhando construir uma bela família. Ele a apresentou o triathlon e com a modalidade, surgiu um caminho para superar seus fantasmas e descobrir sua força mental. Ela foi aprendendo a controlar sua fraqueza emocional. Lá se vão doze anos juntos, dois lindos filhos, 6 provas de Ironman e uma  parceria e sociedade profissional muito bem sucedida. Ela se apaixonou pelo triathlon de tal forma que se dedicou a estudar o endurance a fundo. De 2015 até hoje foram oito especializações na área. Conosco aqui uma atleta apaixonada que nasceu aos 35 anos de idade, quando também se tornou mãe. Que descobriu no triathlon um maneira de lidar com suas forças, fraquezas e emoções. A cada competição ela aprende que é capaz de enfrentar qualquer dificuldade, mesmo sentindo medo e que, assim como na vida, quando tudo parecer perdido ou errado, se a cabeça for resiliente teremos força para aguardar dar certo e atingir nossos objetivos. A treinadora durona e futura nutricionista, para quem o esporte é muito mais do que apenas métricas e resultados, a sócia proprietária da Navas Tri, Thelma D’Amélio. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Quer reduzir até 30% dos gastos de energia de sua empresa? Fale com a Boven! Há mais de 10 anos no mercado, é líder na migração de empresas para o mercado livre de energia.   Com uma equipe especializada e tecnologia de ponta, a Boven oferece as melhores soluções energéticas para o seu negócio, reduzindo custos sem necessidade de investir em equipamentos.   Não deixe sua empresa ficar para trás, descubra as vantagens de ser livre com a Boven.   De energia, a Boven entende! boven.com.br
104:17 18/01/2024
#336 Alessandra Cima
Já morando na Ilha do Governador, no Rio de Janeiro, a dificuldade para conseguir manter-se nadando a fez parar com o esporte. Alguns anos depois, cursando a faculdade na Capital Federal ela ingressou no polo aquático para voltar a ter contato com a natação. Em 2004 foi convidada a participar da sua primeira prova de águas abertas, no Lago Paranoá. Continuou nadando por mais dois anos, até se afastar novamente. Em 2013, quando já morava com a sua família nos Emirados Árabes Unidos, ela voltou a nadar para se preparar para uma travessia na Turquia, que acabou sendo cancelada. Entre 2015 e 2016, ela que já praticava a corrida, participou de alguns revezamentos em provas de triathlon e algumas aulas de bike indoor. Juntamente com uns amigos havia combinado de participar de uma prova de Ironman antes dos 50 anos. As três modalidades não couberam na sua rotina e ela então decidiu ficar apenas com a natação e entrar de vez nas travessias oceânicas em busca de realizar um sonho adormecido da adolescência: cruzar o Canal da Mancha a nado. Quando em 2017 conseguiu uma vaga na lista candidatos, começou a sua jornada de preparação. Naquele mesmo ano, então com 42 anos de idade, nadou o estreito de Bonifácio, entre a Sardenha e a Córsega. No ano seguinte, participou do desafio do Leme ao Pontal para em julho, depois de 16h24’ e 61km percorridos sob condições totalmente adversas, finalmente chegar a nado na França, depois de ter partido da Inglaterra.  Sonho realizado, porém, o custo físico e psicológico foram altíssimos e ela precisou de alguns meses para se reorganizar e desafiar-se novamente. Escolheu nadar da Ilha Robben, na África do Sul, até o continente e participou da prova das 20 Pontes de Manhattan. Depois de fazer as pazes com as águas frias, em 2022 foi a primeira brasileira nadar através o gélido Canal do Norte, entre a Irlanda e a Escócia. Em 2023 ela nadou nada mais nada menos que o estreito de Cook na Nova Zelândia, os canais de Catalina, Molokai e de Gibraltar. Conosco aqui a quase psicóloga que se tornou comunicóloga,  vencedora da travessia Batalha de Rande de 2022 e a segunda brasileira na história a conquistar a Tríplice Coroa da natação de águas abertas. Uma pessoa comum que ousou realizar feitos extraordinários, a santa-mariense Alessandra Rossi Cima. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Você conhece a Boven? Há mais de uma década, a Boven gerencia projetos e negocia a entrada de novos clientes no mercado livre de energia. Com uma equipe experiente e muito bem preparada, a Boven se compromete com os bons resultados, atuando através de escritórios espalhados pelo Brasil. Descubra as vantagens de ser livre e saiba se sua empresa também pode ingressar nesse mercado que agora em 2024, está disponível para mais de 100 mil novos consumidores. Você pode economizar até 30% nos seus gastos com energia. Seja livre, informe-se e saiba mais acessando o site boven.com.br Boven, energia que inspira.  
154:58 11/01/2024
#335 Raíza Goulão
Ela descobriu o mountain bike somente no final da adolescência. O contato com a natureza e competições combinaram com a sua energia e estilo de vida. Decidiu que queria viver do esporte. Depois das primeiras competições em sua cidade natal, foi selecionada para participar do projeto da atleta Jaqueline Mourão e aos poucos foi ganhando destaque, primeiro em provas regionais, depois nacionais e internacionais. Realizou o sonho de representar uma equipe européia, aonde adquiriu muita experiência e conquistas importantes. Terminado seu contrato voltou ao Brasil e após alguns meses competindo por uma equipe nacional, descobriu que a alta carga de treinos aliada a uma dieta restritiva, colaboraram para que ela apresentasse a síndrome da deficiência de energia relativa no esporte. Isso lhe custou a queda no rendimento durante mais de um ano, enquanto passava por um tratamento para restabelecer sua saúde. Com o tempo foi sentindo-se melhor e aos poucos recobrou a confiança em si mesma. A volta ao topo foi repleta de obstáculos, mas ao mesmo tempo uma grande oportunidade de evoluir e crescer internamente. Ela foi Bi-Campeã Pan-Americana sub23, Campeã Pan-Americana em 2018, Bi-Campeã da Brasil Ride e Penta Campeã Brasileira de XCO. Em 2022 foi Campeã Brasileira de XCC, Maratona e da CIMTB. Nos Jogos Pan-Americanos de 2023, mesmo sofrendo uma queda, conquistou a medalha de bronze. Conosco aqui a administradora, empreendedora, cafezista que aprendeu a aceitar os desafios da vida, a mentora do projeto que leva o seu nome. A mountain biker que quer ir além dos títulos e conquistas, para quem a palavra legado significa a marca que se deixa em alguém. Até hoje a única pirenopolina olímpica, Raíza Goulão Henrique. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Você conhece a Syncros? A icônica marca de acessórios e componentes nasceu em uma garagem no Canadá em 1986, quando dois amigos criaram e produziram artesanalmente a partir do alumínio, o primeiro componente de bicicleta do mercado com uma verdadeira alma tecnológica. Avançando no tempo, hoje a Syncros equipa todas as bikes da SCOTT e continua a desbravar territórios inexplorados, buscando sempre aplicar em seus produtos a mágica combinação entre resistência, leveza e ergonomia. Desde as suas conhecidas mesas e selins, passando pelos suportes de caramanhola, bombas, faróis, manoplas e multiferramentas, que estão sendo continuamente aprimorados e aperfeiçoados, até famoso cockpit integrado Fraser IC SL, uma obra de arte de engenharia utilizada pelo supercampeão Nino Schurter, a Syncros continua a desafiar os limites do desempenho. Visite uma revenda SCOTT e se surpreenda com a variedade de opções que a Syncros pode oferecer para sua bike, seja ela qual for. Siga @scott_bike_brasil. Um oferecimento de @BOVEN_ENERGIA. Você conhece a Boven? Há mais de uma década, a Boven gerencia projetos e negocia a entrada de novos clientes no mercado livre de energia. Com uma equipe experiente e muito bem preparada, a Boven se compromete com os bons resultados, atuando através de escritórios espalhados pelo Brasil. Descubra as vantagens de ser livre e saiba se sua empresa também pode ingressar nesse mercado que agora em 2024, está disponível para mais de 100 mil novos consumidores. Você pode economizar até 30% nos seus gastos com energia. Seja livre, informe-se e saiba mais acessando o site boven.com.br Boven, energia que inspira!    
85:49 04/01/2024
#334 Hugo Farias
Meu convidado de nasceu na Capital do Brasil há 44 anos e praticou basquete dos 10 aos 18 anos. Filho de um pai militar e uma mãe empresária, decidiu ingressar no curso Tecnologia em Processamento de Dados. Depois investiu em uma pós em Segurança da Informação e Gestão Empresarial. Durante mais de duas décadas, procurou, a cada oportunidade, se aperfeiçoar profissionalmente e construiu uma carreira sólida em TI. Casou-se e teve um casal de filhos. Foram anos focados em dar uma boa condição de vida para a sua família e garantir uma aposentadoria tranquila. À exceção do tênis, que praticou por alguns anos, o esporte foi deixado de lado quase totalmente. Em 2019, ano que completaria 40 anos de idade, começou a treinar para participar de uma maratona. Em setembro participou da maratona de Buenos Aires. No ano seguinte, decidiu iniciar no triathlon. A pandemia adiou a sua estréia, que aconteceu somente em 2021. Internamente algo o estava incomodando. A dedicação quase total à carreira e a distribuição desigual do seu tempo entre a família, o trabalho e ele mesmo, parecia não fazer mais muito sentido. Em poucos meses resolveu pedir demissão para iniciar uma nova fase em sua vida. Para marcar essa transição, decidiu correr 366 maratonas seguidas, em 366 dias. Planejou e planilhou um projeto, avaliou os riscos, montou uma equipe de apoio e partiu para a sua grande empreitada pessoal. Ao longo de um ano inteiro e 15.569km percorridos, ele impactou não apenas a sua família e comunidade de corredores, mas uma quantidade enorme de pessoas que se surpreenderam com o tamanho do desafio. Conosco aqui o maratonista e agora empreendedor, em sua mais recente versão, repaginado, atualizado e com um novo propósito, ele, que provou que pessoas comuns são capazes de realizar coisas impossíveis, o brasiliense Hugo Leonardo Sousa Farias. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira que está há 10 anos no mercado. Pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance e inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida pela grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados pelos movimentos repetitivos durante a prática esportiva, desenvolvidos especialmente para atletas, por atletas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar resistente à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de atividade, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e muito agradáveis no contato com a pele. Os produtos da Pink Cheeks podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. @pinkcheeksbrasil    
130:09 28/12/2023
#333 Ludmila Lucas
Nascida no interior do Rio Grande do Sul, quando criança, minha convidada praticou natação e balé. Além disso, o esporte não foi algo muito presente em sua vida até muitos anos depois. Em Porto Alegre ela cursou administração de empresas e aos 25 anos de idade começou a praticar a corrida e dava algumas pedaladas. Profissionalmente empreendeu em uma loja de moda feminina e em 2016, mudou-se para São Paulo, onde conheceu sua cara metade. Em uma viagem ao Japão, ambos decidiram subir o Monte Fuji. Apesar de totalmente despreparados, gostaram da experiência. De volta ao Brasil e já pensando em novas aventuras, ela começou a praticar musculação e crossfit. Em 2017 fez um curso de escalada e ambos tentaram chegar ao topo do Monte Elbrus. No ano seguinte, subiram o Kilimanjaro e depois se casaram. A dupla seguiu fascinada com o montanhismo e fizeram a primeira tentativa de escalar o Aconcágua. Quanto mais tempo passavam nas montanhas, mais se questionavam a respeito do estilo de vida e da rotina maluca da vida urbana. Nos últimos anos, ambos vinham se dedicando a fugir da zona de conforto. Em 2019 visitaram 14 países, trabalharam muito e dormiram pouco. Comemoraram a entrada do ano de 2020 do jeito que mais gostavam, no topo do Monte Roraima e foi lá que eles começaram a discutir a sério a ideia de largar tudo e se jogar no mundo. No primeiro dia útil de janeiro surgiu uma oportunidade e eles não deixaram escapar. Seria o ano da tão sonhada volta ao mundo. Ela, depois 6 anos como empreendedora, 118 modelos, 296 variações e um total de 5.469 peças de roupas enviadas para suas clientes e amigas, fechou as portas rumo ao desconhecido. O plano inicial consistia e visitar quase 30 países, a maioria deles exóticos e pouco conhecidos. Ela teve coragem de sair em busca de viver um sonho. Apenas um mês, mas oito países depois, a pandemia começou a fechar as fronteiras e eles escolheram as Ilhas Maurício como retiro, até que as coisas melhorassem. Quando deu, voaram para a Itália e de lá, à medida que as coisas foram arrefecendo, voltaram a viajar, escalar e conquistar os cumes de diversas montanhas ao redor do globo. Entre um cume e outro, ela ainda se dedicou às corridas de montanha e participou dos 45km da Verbier Marathon, dos 55km da Gran Trail Courmayeur, dos 40km da MCC by UTMB, dos 66km da Ida Half Ultra  e dos 60km da Sky Trail Julian Alps. Ela ousou seguir um chamado interno, que dizia a ela todos os dias “vá, mesmo que com medo, mesmo que não seja a decisão mais fácil porque você não quer mais ficar, porque aqui você nunca estará satisfeita, porque você tem alguém que também quer ir contigo e porque o maior risco, é o de nunca ir.” Conosco aqui a atleta amadora que passou a dedicar sua vida aos esportes de montanha e às práticas de alpinismo, escalada em rocha e em gelo, corrida em trilhas, esqui e trekkings ao redor do mundo. A sétima brasileira a chegar ao cume do Monte Everest, que ao lado do marido foi o primeiro casal de brasileiros a chegar ao topo do mundo, direto de Praga, na República Tcheca, a bageense Ludmila Ianzer Jardim Lucas. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.    
114:23 21/12/2023
#332 Lívia Bustamante
Durante a infância, minha convidada de hoje praticou bastante esporte. Natação, balé, jazz, judô e handebol. Com 5 anos de idade ela participou de uma corrida de rua. Quando tinha 14 anos, passou a sofrer de transtorno alimentar, motivada pela vontade de ser como as mulheres das capas de revista. Um dia, porém, a mulher da capa foi a rainha do triathlon nacional, Fernanda Keller. A modelo era uma atleta, de um esporte que ela nunca havia ouvido falar. No ápice da doença ela foi apresentada uma pessoa diferente e passou, então, a querer ser como a Fernanda, mas o  triathlon ainda estava muito longe da sua realidade. Alguns anos depois, conheceu um programa de treinamento de triathlon dentro da Unicamp, onde estudava. Cansada do ambiente das academias de ginástica, ela passou a treinar para a modalidade e livrou-se do transtorno alimentar. Seu sonho de adolescente finalmente se realizou e sua vida mudou completamente. Logo em sua estréia na modalidade, pedalando em uma mountain bike ela venceu a sua faixa etária. Hoje ela é tricampeã do Fodaxman, já cruzou as linhas de chegada de provas como o Patagonman, duas vezes do UB 515, do Ultraman da Austrália, quatro vezes do Mundial de Ironman no Havaí e no ano passado,  enfrentou o temido Norseman, principal prova do triathlon extremo no mundo, realizado na Noruega. O triathlon não apenas a transformou, como a salvou do transtorno alimentar. Ela deve a vida ao esporte e por isso, segue firme e forte na escolha que fez, 20 anos atrás, em busca de se superar a cada dia. Conosco hoje uma bióloga apaixonada por animais e ilhas, nutricionista com pós em nutrição esportiva, triatleta distraída, palmeirense apaixonada pela Barbie e uma YouTuber em um momento sabático, a carioca Lívia Bustamante da Rocha Mendes. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.  
150:13 14/12/2023
#331 Geraldo Lorenzi Filho
Em sua juventude, meu convidado de hoje praticou o esqui aquático e windsurf. Filho de um médico, seguiu os passos do pai, formou-se em medicina e na faculdade, jogou rugby. Depois, chegou a participar da corrida de São Silvestre. Profissionalmente, seu interesse se voltou para um tema ainda pouco conhecido e principalmente, divulgado, mas que diz respeito a todos os seres humanos: o sono. Conosco hoje, o pneumologista com pós-doutorado em medicina do sono pela Universidade de Toronto, Professor Associado de Faculdade de Medicina na USP, diretor Laboratório do Sono da disciplina de Pneumologia do InCor e do Núcleo Interdisciplinar da Ciência do Sono, co-fundador da Biologix e o praticante de Krya Yoga que foi bi-campeão brasileiro de Rugby, o doutor Geraldo Lorenzi Filho. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.
100:56 07/12/2023
#330 Julia Munhoz
Minha convidada aprendeu a nadar quando tinha 8 anos de idade. Dos 9 aos 11 anos dançou balé e fez sapateado. Através do irmão mais velho, que era triatleta, teve contato com a modalidade. Em 2017, recebeu um convite para experimentar o triathlon. Ela tinha apenas 12 anos. Já em sua estréia, deu uma amostra do que estaria por vir. Foi terceira colocada no Campeonato Brasileiro infantil e no já ano seguinte, sagrou-se campeã. Em 2019 venceu o Triathlon SESC São Carlos e o Damha Sprint, foi Campeã da etapa de São Paulo do Brasileiro Juvenil, segunda colocada nas etapas de Maceió e do Rio de Janeiro, Campeã do triathlon qualificatório para o Sul-Americano, realizado em Brasília, e da prova enduro do Campeonato Paulista, etapa de São Carlos. No ano da pandemia, aproveitou para aperfeiçoar-se física e tecnicamente, o que trouxe a oportunidade de integrar a seleção brasileira em dois training camps realizados na cidade de Rio Maior, em Portugal. Lá mesmo, ela venceu na categoria juvenil o Campeonato Português de Aquathlon. Em 2021 foi vice campeã na elite ao mesmo tempo em que venceu a categoria júnior da Copa Brasília de Triathlon e Campeã Brasileira Júnior. No ano seguinte, foi Campeã Paulista, Campeã do GP Extreme Sprint, Campeã dos Jogos Sul-Americanos da Juventude, Campeã Sul-Americana Júnior e obteve duas sétimas colocações, no Pan-Americano Júnior e na American Cup, nessa última largando na elite. Ao final de 2022 foi eleita a melhor triatleta júnior da América do Sul. Senhoras e senhores, garotas e garotos, sentada aqui à minha frente está a atual Campeã Brasileira de Triathlon, uma representante do futuro do triathlon nacional e ao que tudo indica, mundial. Uma mulher que vem representando muito bem o sangue novo do triathlon, oxigenando as artérias dessa modalidade já quarentona, a jovem triatleta carlopolitana Julia Mercaldi Munhoz. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.  
98:27 30/11/2023
#329 Isabella Lacerda
Ela é mais uma convidada que vem das Minas Gerais. Nascida em Itaúna, iniciou na prática esportiva aos 5 anos de idade através da natação. Em sua adolescência participou das primeiras competições na natação, no futsal e, posteriormente, na corrida de rua e no trekking. Aos 17 anos sua paixão pela bicicleta, que sempre esteve presente em sua vida, atingiu o nível competitivo através das corridas de aventura. Em 2008 optou em mergulhar de cabeça no mountain bike, já visando a sua evolução na modalidade e a busca por realizar o sonho olímpico. Nos anos de 2009 e 2010, participou de dois projetos para jovens ciclistas idealizados pela atleta multi olímpica Jaqueline Mourão. Em 2010, após um  intercâmbio no Canadá, sagrou-se Campeã Brasileira sub-23. Em 2013 iniciou o seu ciclo olímpico em busca da vaga. Nesse período foi Campeã da Copa Internacional de MTB três vezes consecutivas, Campeã Brasileira de XCO em 2014 e Vice-campeã em 2013 e 2015. Teve também a oportunidade de representar o Brasil em etapas da Copa do Mundo e do Campeonato Mundial, no Campeonato Panamericano, nos Jogos Pan-Americanos e Jogos Sulamericanos. A vaga olímpica não veio, mas ela ficou, na época, entre as 25 melhores mountain bikers do mundo. Em 2017 foi acusada de doping e suspensa por quatro anos das competições. Alegando inocência, ela abriu mão de apelar da decisão devido ao altíssimo custo do processo. Foram quatro longos anos em que ela continuou se dedicando ao ciclismo, treinando bastante e orientando outras pessoas interessadas em usufruir da sua experiência no mountain bike. Em 2021, agora mãe, retornou às competições com uma terceira colocação e desde então, vem aumentando sua coleção de conquistas e títulos, em busca de se tornar não apenas uma melhor atleta, mas de dar o exemplo para seu filho e admiradores, que com trabalho, fé e perseverança, é possível dar a volta por cima. Conosco aqui a ciclista profissional que foi Bicampeã Brasileira de XCO, Bicampeã Brasileira de XCM, Penta Campeã da Copa Internacional, Vice Campeã Brasileira de XCC, Vice Campeã Pan-Americana de XCM, Campeã da Brasil Ride e Bicampeã da Brasil Ride Espinhaço, a itaunense Isabella Moreira Larcerda Grossi. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.    
114:58 23/11/2023
#328 Michele Cézar
Influenciada pelo irmão, minha convidada de hoje começou a correr aos 5 anos de idade, em um projeto social. Criada pela mãe, ela é a caçula de quatro irmãos. Participou de corridas de rua como a São Silvestrinha, versão infantil da São Silvestre enquanto dava os primeiros passos na pista. Aos 9 anos, já vencia algumas competições. Para superar um trauma vivido numa represa, decide que deveria aprender a nada e busca, então, sozinha, o patrocínio de uma academia. Na infância e adolescência, correu dos 200 metros aos 3.000 com obstáculos e fez parte da equipe de atletismo do colégio. Com o passar dos anos, ela foi aumentando as distâncias nas corridas de rua, até chegar às maratonas. Participou do Cruce de Los Andes e de algumas provas de triathlon. Hoje, vem se dedicando à aos treinos para a maratona para Boston. Conosco aqui a educadora física, professora da Escolinha de Triathlon de Jundiaí, corredora, ciclista, ex-praticante de acro yoga e dançarina de flamenco, influenciadora digital e mais importante, mãe dos gêmeos Dom e Gael. Uma mulher que aprendeu a treinar na hora que dá e que acredita que o bem sempre vence, a curitibana Iolanda Michele Cézar. Inspire-se! _________________________________________________________________________________ Gostou? Assista outros episódios do Endörfina no YouTube ou ouça TODOS os episódios no seu app preferido de podcasts. Toda quinta-feira uma nova e inspiradora conversa no seu app preferido de podcasts! INSTAGRAM: https://www.instagram.com/endorfinabr/ SPOTIFY: https://open.spotify.com/show/36HedSceb1w6RZTnMCZZRi?si=580d111dbc894df2 Contribua também com este projeto através do Apoia.se: https://apoia.se/endorfinapodcast  Saiba mais em https://endorfinabr.com #endorfina #podcast #corrida   
129:56 16/11/2023
#327 Daiane Luise
Ela nasceu em Rio Negro, cidade com pouco mais de 30 mil habitantes no interior do Paraná. Cresceu em meio à natureza e praticando ginástica rítmica dos 10 aos 17 anos de idade. Aos 15 anos começou as escalar na rocha e teve contato com o montanhismo. Em 1996 passou a competir na escalada esportiva, que estava iniciando por aqui. Em 2001 sofreu um acidente grave em uma escalada e a recuperação levou três anos para que ela voltasse a escalar. Durante esse período, conheceu as corridas de aventura, mergulhando de cabeça na modalidade, o que ajudou na sua recuperação física e emocional. Participou de diversas provas curtas e longas e alguns anos depois, com o chegada das corridas de trilha no Brasil, passou também a competi-las. Formada em Educação Física, é personal trainer especializada em performance esportiva. Foi patrulheira em uma estação de esqui e instrutora de esqui adaptado para deficientes. Integrou o grupo de socorro em montanha do Marumbi, no Paraná, e fez um curso avançado de primeiros socorros em áreas remotas. Quando passou alguns meses na cidade de Chamonix-Mont-Blanc, fez um curso de performance em corrida de montanha e aproveitou para aprimorar a sua escalada alpina. Trabalhou no Acampamento de Aventura para crianças, como instrutora e treinadora de escalada em Curitiba e chegou a colaborar na organização de eventos de escalada e corridas de trilha. Sua paixão pelo esporte e natureza a levaram a explorar o mundo. Seja para escalar, competir ou subir altas montanhas, viajou para a Argentina, Bolívia, França, Suíça, África do Sul, Tailândia, Canadá e Estados Unidos. Em 2018 teve a oportunidade de realizar uma parte de um thru hiking no Canadá e desde então passou a se interessar também pelas longas caminhadas. No ano seguinte percorreu sozinha a trilha do Mont-Blanc e esse ano teve a oportunidade de realizar Hayduke Trail, uma das trilhas mais difíceis dos Estados Unidos, com quase 1300km de extensão. Conosco aqui hoje professora de edução física, aventureira, escaladora, montanhista e thru hiker rio-negrense, uma mulher que ousa voar para onde o vento a levar e para quem o sofrimento é diversão, Daiane Luise de Souza. Inspire-se! ________________________________________________________________________________ Gostou? Assista outros episódios do Endörfina aqui ou ouça TODOS os episódios no seu app preferido de podcasts. Toda sexta-feira novos vídeos no YouTube. Toda quinta-feira uma nova e inspiradora conversa no seu app preferido de podcasts! INSTAGRAM: https://www.instagram.com/endorfinabr/ SPOTIFY: https://open.spotify.com/show/36HedSceb1w6RZTnMCZZRi?si=580d111dbc894df2 Contribua também com este projeto através do Apoia.se: https://apoia.se/endorfinapodcast Saiba mais em https://endorfinabr.com
119:10 09/11/2023
#326 Beto Pandiani
Meu convidado nasceu de frente para o mar. Influenciado pelo seu pai, um imigrante italiano e velejador, aprendeu desde cedo sobre os ventos e nos finais de semana se lançava ao mar a bordo de pequenas embarcações. Sua estatura o levou a jogar basquete pelo Clube Monte Líbano e pelo Pinheiros aqui em São Paulo. Entrou no curso de administração da PUC e antes que pudesse conclui-lo, decidiu que seria a hora de levar a vela a sério. Alguns anos depois, em 1989, tornou-se Campeão Norte Americano de Hobiecat. Nesse meio tempo foi estagiário na Pirelli e por cinco anos trabalhou como barman e gerente de restaurantes badalados. Com a experiência adquirida, passou a empreender seus próprios negócios, no ramo de restaurantes e casas de shows. Em 1993, então com 35 anos, cansado da noite ele decidiu trocar de profissão e mergulhar de vez no mar. No ano seguinte ele e mais 3 amigos partiram para a sua primeira e mais longa expedição, com o nome de Entre Trópicos, que partiu de Miami e terminou em Ilhabela, 289 dias depois. No ano 2000, realizou a sua segunda expedição, a Rota Austral, dessa vez eles iniciaram em Puerto Montt, no Chile, contornando a costa sul do continente sul-americano, cruzando o Cabo Horn rumo à costa argentina, depois a brasileira, aportando na Baía de Guanabara, Rio de Janeiro. A Travessia do Drake, realizada em 2003, foi a terceira expedição, que teve início em Ushuaia e cruzou a passagem entre a América do Sul e a Antártica. A expedição durou 45 dias e com o feito, ele e seu parceiro de aventura se tornaram os primeiros velejadores a chegar à Península Antártica em um barco sem cabine. Após essas primeiras expedições, ele novamente em dupla com Igor Bely encaram a regata Atlantic 1.000, conhecida por ser a mais longa e difícil do mundo para catamarãs sem cabine. Foram percorridas mil milhas ao longo da costa americana e eles conquistaram a segunda colocação. Depois vieram mais expedições. A Rota Boreal, em 2005, que foram três meses velejando de Nova York até Sisimiut, na Groenlândia. A Travessia do Pacífico, que foi do Chile até a Austrália. O feito os levou a se tornarem os primeiros velejadores a cruzarem o Pacífico Sul em um barco aberto e pequeno. Em 2013, realizaram a Travessia Atlântico, da Cidade do Cabo até Ilhabela, realizada em 37 dias sem escalas. E agora, em 2022, com a intenção de fazer um documentário sobre as mudanças climáticas na região, novamente ao lado do experiente Igor Bely, ele cruzou a lendária Passagem Noroeste, acima do Círculo Polar Ártico, partindo do Canadá e contornando a calota polar. Conosco aqui o primeiro velejador a conectar a Antártica ao Ártico em um pequeno barco sem cabine. Um aventureiro treinado para viver em equilíbrio em situações extremas e espaços confinados, um atento observador do mundo, pensador, palestrante, escritor e autor de 8 livros e um especialista no mar que existe dentro de cada um de nós, o santista Roberto Dias Pandiani. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Você sabe qual a diferença entre os raios solares UVA x UVB e a LUZ AZUL? A Pink Cheeks explica: Geralmente nós observamos apenas a informação FPS nas embalagens dos protetores solares, que diz respeito apenas aos raios solares UVB, entretanto o sol emite diferentes radiações que também merecem nossa atenção. O UVA por exemplo, penetra mais fundo na pele e por isso os efeitos do UVB acabam por ser mais perceptíveis, pois atingem camadas mais superficiais, causando vermelhidão e ardência. Já o UVA por entrar mais na pele, atinge a derme, causando diminuição de produção de colágeno e elastina e aumentando as chances de se desenvolver o indesejável câncer de pele. No Brasil existe uma legislação que exige que a proteção UVA seja no mínimo ⅓ da proteção UVB. Mas os protetores da Pink Cheeks excedem essa recomendação, fornecendo ainda mais proteção. O Pink Stick, por exemplo, tem FPS 90 e FPUVA 70. Enquanto a produção de UVB está mais presente entre 11h e 13h, o UVA está presente o dia todo das 5h da manhã até as 18h e está presente também em dias nublados. E a famosa luz azul? É a luz visível, proveniente da iluminação por lâmpadas artificiais, como luz do celular, computador e televisão. Por ser uma radiação de médio poder energético, consegue atingir camadas intermediárias da pele e é responsável por desencadear diferentes danos. Você já sabe: proteção solar, sempre! A Pink Cheeks está com você e em todos os movimentos. Tem alguma dúvida ou quer saber mais dicas? Entre em contato com a Pink Cheeks. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto.    
140:55 02/11/2023
ESPECIAL Pâmella de Oliveira
A triatleta profissional Pâmella de Oliveira está de volta para uma conversa inédita e muito especial sobre os dois últimos anos da sua carreira, quando entre outros títulos, sagrou-se Bicampeã do Ironman Brasil e participou dos Mundiais de Ironman no Havaí de 2023. Recém chegada de Kona, ela fala sobre o Ironman de Floripa, sua participação nos mundiais de Ironman 70.3 e do Havaí. Fala também sobre as mulheres, o futuro e o seu novo projeto, o Alma Triathlon. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Desafios e conquistas fazem parte de uma jornada de quem ousa se superar a cada dia! A JORNADA PRO com a triatleta profissional Pâmella de Oliveira chegou ao seu final no dia 14 de outubro, quando ela foi a melhor brasileira a concluir o Mundial de Ironman no Havaí, uma prova que foi fantástica do início ao fim e contou com a participação exclusivdsa de mais de 2 mil mulheres, entre elas, 63 atletas brasileiras. Desde agosto trouxemos com toda energia e de forma inédita, os bastidores da preparação da Pâmella em sua participação no Mundial de Ironman 70.3 a agora no Mundial de Ironman. O apoio da Probiótica foi fundamental para que a atleta pudesse chegar na sua melhor forma física e como uma maneira de reforçar o seu incentivo ao protagonismo feminino, 10% de todas as compras realizadas no site da Probiótica utilizando o cupom ALMATRI serão revertidos para o Projeto Pro Cicles, e você ouvinte do Endörfina que utilizar o cupom, ainda ganha o desconto de 20% nos produtos Probiótica. www.probiotica.com.br Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira que está há 10 anos no mercado. Pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance e inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida pela grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados pelos movimentos repetitivos durante a prática esportiva, desenvolvidos especialmente para atletas, por atletas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar resistente à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de atividade, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e muito agradáveis no contato com a pele. Os produtos da Pink Cheeks podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. www.pinkcheeks.com.br/endorfina Utilize o cupom ENDORFINAPINK e ganhe um desconto. @pinkcheeksbrasil  
104:09 28/10/2023
#325 Marina Dias
Minha convidada nasceu no balneário de Santos. Na infância e adolescência praticou natação e patinação artística. Já na Unicamp, praticou alguns esportes coletivos, mas nada muito sério. Em 2009 foi diagnosticada com esclerose múltipla. Após um período de assimilação da notícia e o início do tratamento, decidiu mudar seu estilo de vida na tentativa de amenizar os efeitos progressivos da sua nova condição. Mudou sua alimentação e começou a correr. Ela tinha 30 anos e durante quatro anos participou de diversas provas de 10km, conquistou alguns pódios, mas o que ela mais gostava era das meias maratonas. Durante o período de tratamento ela jamais havia imaginado que seria capaz de correr 1km. Algumas dores nas pernas começaram a aparecer em decorrência da esclerose, o que eventualmente a fizeram procurar outra modalidade esportiva para manter-se ativa. Tentou o pole dance e até o mountain bike, mas após ser convidada por uma amiga a conhecer um ginásio de escalada, ela se encontrou e desde então, tornou-se o seu esporte. Em 2020 passou a competir em campeonatos brasileiros de paraescalada e hoje, é a maior medalhista brasileira em mundiais, com 3 medalhas de ouro e 2 de bronze em etapas da Copas do Mundo. Conosco aqui a engenheira química com pós doutorado pelo Centro Nacional de Pesquisa em Energia e Materiais, professora e escaladora, vegana, ativista pelos animais, pelo meio ambiente e atual Campeã Mundial de Paraescalada, título conquistado na Suíça faz poucos meses, direto de Taubaté, Marina Oliveira de Souza Dias. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. O verão está chegando e com ele, devemos redobrar nossa atenção com a proteção solar. Nesse sentido, a Pink Cheeks tem grande expertise, com produtos cosméticos com altos fatores de proteção. Seu principal produto, o Pink Stick, possui o maior FPUVA do mercado! A marca foi idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes e é pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance, inovando com o conceito do sportcare. Descubra a linha completa da Pink Cheeks para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados durante a prática de algumas modalidades, como a corrida e o ciclismo, que foram desenvolvidos especialmente de atletas para atletas, e produtos focados para a melhor performance de esportistas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza, multifuncionalidade e ainda conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar e resistência à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de movimento, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar, tem uma sensação muito agradável na pele e podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. Compre no site www.pinkcheeks.com.br/endorfina e aproveite para utilizar o cupom ENDORFINAPINK para ganhar 10% de desconto.
136:40 26/10/2023
#324 Julia Nakagawa
Mesmo convivendo com o esporte desde a adolescência, ela achava que seu papel era como torcedora. Foi casada com um professor de educação física, mas workaholic e sedentária assumida, achava que a vida regrada que levava, seria o passaporte para viver uma vida saudável para sempre. Muitos anos depois, através de um programa de incentivo à qualidade de vida no banco em que trabalhava, resolveu pisar em uma academia pela primeira vez na vida. Ela tinha quase 50 anos de idade. Como ela mesmo diz, passou muito tempo turistando até que motivada por uma amiga e pelo filho, começou a saltar de paraquedas. A adrenalina foi apaixonante e um contra ponto à vida profissional estressante que levava. Não demorou muito, porém, para que ela descobrisse que a falta de condicionamento físico a estava impedindo de evoluir nos saltos. Assim, então, ela enxergou um propósito para voltar para a academia e enfim, levar a sério os treinos. Sua evolução foi nítida e a sua performance nos saltos, melhorando. Foi na academia que teve contato com praticantes de corrida de rua que a inscreveram em uma prova de revezamento. Venceu o preconceito que tinha e deu o braço a torcer quando cruzou a linha de chegada depois de ter percorrido os 5km que lhe cabiam. A sensação foi tão bacana que foi o suficiente para despertar nela o interesse pela nova modalidade. Aos 54 anos de idade, entre os saltos de paraquedas, ela estreou na maratona. A corrida então se juntou à sua outra paixão, viajar. Correu mais uma maratona e 22 meia maratonas. Noruega, deserto do Sahara, Patagônia, Vale Sagrado dos Incas no Peru, Deserto do Atacama, Monte Kilimanjaro, Amsterdã, Puntal del Este, Fernando de Noronha e Bonito (MS) foram alguns dos locais em que escolheu correr.  Motivada por uma matéria na Go Outside, decidiu que escalaria o Monte Kilimanjaro. Como preparação, subiu o Pico Paraná, o Morro Araçatuba, o Pico Agudo e o Morro dos Perdidos. Comemorou então seu aniversário de 58 anos na Tanzânia. Depois subiu o Wayna Picchu no Peru, fez trekkings no Butão, na Alemanha e na Tailândia. Aos 60 anos de idade, enquanto se preparava para a sua terceira maratona, foi aconselhada pelo seu ortopedista a pegar mais leve nas distâncias. Ela encontrou então no triathlon, a chave para manter-se ativa e motivada, sem sacrificar tanto o seu corpo e articulações. Este ano ela representou o Brasil no seu primeiro mundial, na cidade de Hamburgo na Alemanha Conosco aqui hoje uma mulher que aos 51 anos de idade venceu a preguiça e dominou o medo, bancária aposentada e viajante profissional, paraquedista com 151 saltos, bióloga e Mestre em Engenharia da Produção em Finanças, voluntária nos Jogos do Rio 2016 entre outros voluntariados. Ela cujo lema é “nunca é tarde pra começar e sempre é cedo pra desistir”, que já foi salva pelo esporte, direto do seu refúgio no oeste do Paraná, a maringaense Julia Nakagawa. Inspire-se!https://www.instagram.com/probioticaoficial/ SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se.   Tenho uma dica par você da Pink Cheeks. Quero falar sobre um dos problemas que mais afeta pessoas que se expõem muito ao sol, que é o melasma. A constante exposição aos raios UV sem proteção solar adequada faz com que nossa pele aumente a produção de melanina, e isso pode causar o surgimento de manchas na pele, como o melasma. Esse é um problema muito comum, principalmente entre as mulheres que praticam esportes ao ar livre. Para evitar que esse problema ocorra, é muito recomendado a utilização de protetor solar com alto fator de proteção. Nesse sentido, a Pink Cheeks é referência nacional, pois possui o protetor com maior FPUVA do mercado. Além da alta proteção, os produtos ainda são muito resistentes à água e ao suor, o que garante maior durabilidade na pele e mais segurança para quem pratica atividades físicas com exposição ao sol. Os protetores da Pink Cheeks combinam filtros químicos e físicos e por isso oferecem uma proteção completa. Estão disponíveis em versões incolores e com base, para quem busca cobertura e uniformização do tom da pele. Importante ressaltar que até mesmo nos dias nublados e chuvosos, a incidência de raios UVA permanecem altas e por isso devemos manter a aplicação de protetor solar em nossa rotina. Visite o site da Pink Cheeks e saiba mais. Faça suas compras com o cupom ENDORFINAPINK e ganhe 10% de desconto e siga a Pink no Instagram, atrravés do @pinkcheeksbrasil   Desafios e conquistas fazem parte de uma jornada de quem ousa se superar a cada dia! A JORNADA PRO com a triatleta profissional Pâmella de Oliveira chegou ao seu final no domingo, dia 14 de outubro, quando ela foi a melhor brasileira a concluir o Mundial de Ironman no Havaí, uma prova que foi fantástica do início ao fim e contou com a participação exclusivdsa de mais de 2 mil mulheres, entre elas, 63 atletas brasileiras. Desde agosto trouxemos com toda energia e de forma inédita, os bastidores da preparação da Pâmella em sua participação no Mundial de Ironman 70.3 a agora no Mundial de Ironman. O apoio da Probiótica foi fundamental para que a atleta pudesse chegar na sua melhor forma física e como uma maneira de reforçar o seu incentivo ao protagonismo feminino, 10% de todas as compras realizadas no site da Probiótica utilizando o cupom ALMATRI serão revertidos para o Projeto Pro Cicles, e você ouvinte do Endörfina que utilizar o cupom, ainda ganha o desconto de 20% nos produtos Probiótica. www.probiotica.com.br @probioticaoficial  
129:57 19/10/2023
#323 Gesibel Rodrigues
Minha convidada de hoje foi criada na aprazível Araraquara, interior de São Paulo. O esporte, embora muito presente em sua adolescência, para ela se resumia a andar de bicicleta por toda a cidade e a patinar. Era daquelas crianças e adolescentes que fazia de um tudo para não participar das aulas de educação física. Sempre esteve acima do peso e era desajeitada nos esportes. Contudo, brincava e competia de patins na rua, subia em árvores, pedalava em trilhas e nadava na Lagoa Azul e nas águas do Clube Náutico. Já morando e trabalhando em São Paulo, a paixão pelos esportes apareceu após o nascimento da sua filha, Helena, em 2005, quando passou a frequentar aulas de pilates, academia e zumba. Alguns anos depois, se apaixonou pela corrida. Sem a pretensão de performar, participou de várias provas de 5 e 10km, e se aventurou em três meias maratonas. Em alguns dias da semana, pedalava até o trabalho e em 2018, através da assessoria esportiva parceria da empresa na qual trabalhava, conheceu alguns triatletas e decidiu experimentar a modalidade. Apesar da boa intenção, um trauma vivenciado no mar anos antes a impediu de sentir-se à vontade na natação. Eventualmente ela deixaria o triathlon de lado para dedicar-se com bastante vontade ao ciclismo. Em 2019 fez sua primeira viagem de bicicleta na Itália e achou a experiência incrível. Em 2021 resolveu que queria ser competitiva e passou a treinar com o grupo do professor Igor Laguens, aonde já tinha muitas amizades. No início de 2022 conquistou seu primeiro pódio em uma prova de ciclismo de estrada e apesar de ainda ter muito a melhorar, aquela conquista foi motivadora para querer ir além. Dedicando-se cada vez mais, ela conheceu as provas de randonneurs. No final de 2021 estreou nos 200km do Randonneur Mogi das Cruzes. Apesar da dificuldade, logo ela e outras mulheres se juntaram para outro brevet de 200km. Desta vez ela concluiu o desafio já pensando o próximo, que viria a ser o dobro da distância. Quando se deu conta, percebeu que realmente gostava de longas distâncias e a situação de autossuficiência exigida pelos brevets. Os perrengues vividos durante horas a fio sobre a bicicleta a desafiam física e mentalmente, e isso é a força motriz por trás da sua vontade de ir cada vez mais longe. Ela acredita que podemos mudar o mundo através das nossas ações, começando pela nossa comunidade local, a partir da sustentabilidade efetiva por meio da espiritualidade, cultura, educação, saúde, comunicação, economia, ecologia e política. Conosco aqui hoje a advogada de formação e vocação, ciclista de ultra distâncias que acaba de concluir os 1200km da Paris-Brest-Paris, considerada a Copa do Mundo dos randoneiros. Ela é mãe de algumas gatas, de carne e osso, duas rodas e felinas, e filha de Santo, a chata da lixo e a tia das plantas, a paulistana Gesibel dos Santos Rodrigues. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil O verão está chegando e com ele, devemos redobrar nossa atenção com a proteção solar. Nesse sentido, a Pink Cheeks tem grande expertise, com produtos cosméticos com altos fatores de proteção. Seu principal produto, o Pink Stick, possui o maior FPUVA do mercado! A marca foi idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes e é pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance, inovando com o conceito do sportcare. Descubra a linha completa da Pink Cheeks para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também possui produtos que minimizam os atritos causados durante a prática de algumas modalidades, como a corrida e o ciclismo, que foram desenvolvidos especialmente de atletas para atletas, e produtos focados para a melhor performance de esportistas. Além da inovação com o conceito de sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza, multifuncionalidade e ainda conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar e resistência à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de movimento, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar, tem uma sensação muito agradável na pele e podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. Compre no site www.pinkcheeks.com.br/endorfina e aproveite para utilizar o cupom ENDORFINAPINK para ganhar 10% de desconto. Desafios e conquistas fazem parte de uma jornada de quem ousa se superar a cada dia! A JORNADA PRO continua e nossa próxima largada será no Havaí, daqui à pouquinho, no IRONMAN no dia 14 de outubro. Continuamos trazendo com toda energia e de forma inédita, os bastidores da minha preparação até a linha de chegada do Campeonato Mundial de Ironman. Além do incentivo ao protagonismo feminino, 10% de todas as compras realizadas no site da Probiótica utilizando o cupom ALMATRI serão revertidos para o Projeto Pro Cicles. Foram desenvolvidos kits personalizados, inspirados na linha de produtos utilizados pela Pâmella em sua jornada de preparação. Além do desconto de 20% nos produtos Probiótica, o cupom ALMATRI te dará, também, direito a participação em experiências exclusivas como treinos com a participação da Pâmella, transmissão ao vivo da prova, com degustação de produtos e entrega de kits. Demos o start em agosto e essa temporada segue até o final do mundial de Kona, em 14/10. E você acompanha todos os movimentos dessa Jornada Pro através dos perfis da Probiótica, da ALMATRI, do TRI SPORT Magazine e daqui do Endörfina podcast. Fiquem ligados e vamos todos torcer juntos pela Pâmella!      
144:03 12/10/2023
#322 Fernanda Morais
Minha convidada de hoje teve contato com o esporte desde a infância e o basquete foi a modalidade que a acompanhou até a adolescência. Influenciada pelo pai, aprendeu a ouvir os jogos de futebol através da rádio AM. Entrou para a faculdade, começou a trabalhar, casou e o esporte se limitou a academia, passeios de bicicleta com a filha e até algumas poucas aulas de jazz. Em 2012 começou a ter aulas de natação, aquela altura, com 33 anos de idade. No ano seguinte começou a correr e estreou a sua primeira travessia aquática, de apenas 750 metros. No ano de 2014 descobriu a modalidade do aquathlon e participou de diversas competições. Comprou então a sua minha primeira bicicleta, uma Caloi 10, estreou em provas de duathlon e participou pela primeira vez da maior e mais tradicional ultramaratona aquática do Brasil, a 14 Bis. 2015 foi o ano da sua estréia no triathlon e em 2016 correu sua primeira maratona e voltou a nadar a 14Bis. Sentiu-se então preparada para enfrentar o maior desafio esportivo até então, o Ironman em Florianópolis, no ano de 2017. Desde então ela vem crescendo as distâncias e evoluindo como ser humano, como mulher e como mãe. Participou do Cabra da Peste, duas vezes do UB515, correu sozinha os 75km da ultra maratona Bertioga Maresias, participou do Insanoman Hard, do duplo Ironman no Brasil Ultra Tri no ano passado e este ano, do triplo Ironman. Conosco aqui a fisioterapeuta do trabalho, a terapeuta holística que não tem tempo a perder, recordista Pan-Americana de Ultra Triathlon, mogimiriana Fernanda Aparecida de Morais. Inspire-se! SIGA e COMPARTILHE o Endörfina através do seu app preferido de podcasts. Contribua também com este projeto através do Apoia.se. Um oferecimento da @probioticaoficial. Desafios e conquistas fazem parte de uma jornada de quem ousa se superar a cada dia. A Jornada PRO continua e nossa próxima largada será no Mundial de Ironman, no dia 14 de outubro. 10% das compras , com o cupom ALMATRI de 20% OFF no site da Probiótica, serão revertidos para o Projeto Pro Cicles. Compre kits personalizados, inspirados na linha de produtos utilizados pela triatleta profissional @pami_oliveira em sua jornada de preparação.  O cupom dará, também, direito a participação em experiências exclusivas como treinões com a participação da atleta e a transmissão ao vivo da prova. Demos o start em agosto e essa temporada segue até o final do mundial de Kona, em 14/10. E você acompanha todos os movimentos dessa Jornada Pro através dos perfis da Probiótica, da ALMATRI, do TRI SPORT Magazine e daqui do Endörfina podcast. Junte-se a nós nessa Jornada e vamos juntos torcer pela Pamêlla! Um oferecimento da @pinkcheeksbrasil. Idealizada e desenvolvida por mulheres apaixonadas por esportes, a Pink Cheeks é uma marca brasileira, pioneira no segmento de dermocosméticos de alta performance, inovando com o conceito do sportcare. Reconhecida por grande expertise em proteção solar devido aos altos fatores de proteção UVA e UVB, a Pink Cheeks conta com linha completa para proteção facial, corporal e até capilar, com produtos de alta qualidade e alta resistência à água e ao suor. A linha também conta com produtos que minimizam os atritos causados por esportes, desenvolvidos especialmente de atletas para atletas. Além da inovação com o conceito do sportcare, o diferencial da Pink está na união da proteção de alta performance, beleza e multifuncionalidade, e conta com uma linha completa de maquiagem com proteção solar e resistência à água e ao suor. Os produtos são altamente indicados para qualquer tipo de movimento, possuem fórmulas veganas, sem parabenos, são fáceis de utilizar e com sensorial muito agradável na pele. Podem ser utilizados a partir dos dois anos de idade. Visite o site www.pinkcheeks.com.br/endorfina e aproveite para utilizar o cupom especial ENDORFINAPINK e ganhe 10% de desconto em sua compra.      
121:51 05/10/2023

Podcasts semelhantes